Como ser um estudante profissional

Veja também: Dicas de estudo Todas as pessoas devem encontrar a sua vocação profissional e viver daquilo que mais sabem fazer – pelo menos esse é o ideal. A maioria delas, quando finalmente descobrem o que querem fazer da vida, estudam até conseguir se tornar um profissional na sua área. Quando conseguem, param de estudar e vãoContinuar lendo “Como ser um estudante profissional”

O que faz um trabalho científico ser original?

Artigo do professor Marco Mello no blog Sobrevivendo na Ciência. Veja também: Como falar muito sem dizer nada Como a indústria dos artigos científicos é péssima para o avanço da ciência A originalidade é a principal diferença entre uma monografia de graduação, uma dissertação de mestrado e uma tese de doutorado. Enquanto nos dois primeiros níveis não éContinuar lendo “O que faz um trabalho científico ser original?”

Como a indústria dos artigos científicos é péssima para o avanço da ciência

Exigências burocráticas e uma cultura que privilegia a quantidade em vez da qualidade levam cientistas à exaustão – e à malandragem – para garantir bolsas de pesquisa. É o que mostra a matéria a seguir, da revista Superinteressante. Veja também: O que faz um trabalho científico ser original? O tcheco Ján Hoch tinha 16 anosContinuar lendo “Como a indústria dos artigos científicos é péssima para o avanço da ciência”

Como é o dia a dia de brasileiros que estudam nas melhores universidades do mundo

Dividido em três episódios, o documentário a seguir mostra o dia a dia de brasileiros que estudam nas melhores universidades do mundo, como as americanas Harvard, Princeton e Yale. O documentário revela a rotina desses jovens que apostaram na aventura do conhecimento em um país estrangeiro, em busca da excelência acadêmica. Assista abaixo uma série de três reportagens sobre como é oContinuar lendo “Como é o dia a dia de brasileiros que estudam nas melhores universidades do mundo”

Dama do gelo, a múmia siberiana de 2.500 anos encontrada com tatuagens e maconha

Veja também: O homem do gelo mumificado nos Alpes há 5.300 anos Descoberta da tumba de Tutancâmon no Egito Uma das múmias antigas mais intrigantes já descobertas e estudadas pelos arqueólogos é a que ficou conhecida como dama do gelo ou princesa siberiana, encontrada em 1993 por um grupo de pesquisa do Instituto de ArqueologiaContinuar lendo “Dama do gelo, a múmia siberiana de 2.500 anos encontrada com tatuagens e maconha”

O que se sabe sobre Ötzi, o homem do gelo mumificado nos Alpes há 5.300 anos

Veja também: Descoberta da tumba de Tutancâmon no Egito A múmia siberiana de 2.500 anos encontrada com tatuagens e maconha O cadáver mais estudado de todos os tempos se chama Ötzi, também conhecido como o “homem do gelo”, uma múmia masculina bem conservada com cerca de 5.300 anos que foi encontrada em 1991 por umContinuar lendo “O que se sabe sobre Ötzi, o homem do gelo mumificado nos Alpes há 5.300 anos”

Em “Começo conjectural da história humana”, de 1786, Kant concilia o Gênesis e Darwin

Neste artigo escrito em 1786, o já renomado filósofo Immanuel Kant examina o momento em que o homem passa do estado de rudeza animal para o de ser racional e social. Usando como guia o relato bíblico da queda de Adão e outras passagens do Gênesis, estabelece que a ruptura entre o instinto e aContinuar lendo “Em “Começo conjectural da história humana”, de 1786, Kant concilia o Gênesis e Darwin”

Saga de um mestrando (agora mestre)

No começo de 2018, mudei para São Paulo a fim de realizar um sonho que alimentei desde o início da graduação: cursar o mestrado em filosofia sobre a teoria da demonstração científica de Aristóteles no melhor lugar onde isso poderia ser feito: na UNICAMP, junto ao grupo de aristotélicos que chamei na dissertação de “escola de Campinas”,Continuar lendo “Saga de um mestrando (agora mestre)”

Uma voz dissidente na pandemia

Veja também:  Linha do tempo da Covid-19 Breve história das pandemias A crise do Coronavírus, por Yuval Harari Na média, intelectuais e acadêmicos tendem a ser menos céticos quanto aos perigos da pandemia de COVID-19 e menos críticos às medidas de prevenção do contágio. Tendem portanto a apoiar mais os decretos de isolamento social eContinuar lendo “Uma voz dissidente na pandemia”

Isaac Newton criou teoria da gravidade durante quarentena da peste bubônica

Longe de Cambridge e da epidemia que deixou 100 mil mortos, o cientista ainda encontrou tempo para iniciar seus estudos sobre cálculo e óptica. É o que mostra a matéria a seguir, publicada ontem na página da revista Galileu, com informações dos jornais Open Culture, The Guardian e The Washington Post. Veja também: Breve história das pandemiasContinuar lendo “Isaac Newton criou teoria da gravidade durante quarentena da peste bubônica”