Por que ler os clássicos?

Crônica de Camila Kehl publicada no Diário de Canoas. Os clássicos se tornam clássicos por uma série de razões. Mesmo pertencendo a uma época, eles são atemporais. O fato de se passar em determinado período ou pincelar sobre determinado acontecimento histórico não faz com que uma obra fique datada, estigmatizada e, dentro de alguns anos, ultrapassada – sóContinuar lendo “Por que ler os clássicos?”